primícias poéticas: asas à imaginação (sonhando alto)

primícias poéticas


sábado, dezembro 06, 2008

asas à imaginação (sonhando alto)

faça o seu olhar sua ave,
permita-se o vôo ousado:
vai, seja livre e suave
em seu sonho mais alado!

da lapela de octavio roggiero neto às 9:19 AM

2 Comentários
Anonymous Bera disse:

Tava pensando no seu poema...a poesia hj parece a última oportunidade de guerrilha, não te parece?
às armas então!
obrigado pelo post lá no impressoes.
Abs

2:14 PM  
Blogger J.F. de Souza disse:

sonho com vôos
mais altos
pra poder
admirar
a beleza de tudo

não quero me prender a nada
quero voar
mais e mais
alto

4:04 AM  

Postar um comentário

<< Home